Ficus lyrata – a nova tendência dos ambientes internos

Quem se lembra da febre da samambaia chorona nos anos 70 sabe que no paisagismo também há tendências e modismos. E, falando de tempos modernos, atualmente a que está em alta é o Ficus lyrata - popularmente conhecido como figueira-lira - que vem sendo bastante utilizado em interiores.

30/06/2015

Ficus lyrata – a nova tendência dos ambientes internos

Quem se lembra da febre da samambaia chorona nos anos 70 sabe que no paisagismo também há tendências e modismos. E, falando de tempos modernos, atualmente a que está em alta é o Ficus lyrata - popularmente conhecido como figueira-lira - que vem sendo bastante utilizado em interiores.
 
Não é difícil vê-lo estampando matérias em revistas ou vê-lo em mostras como, por exemplo, na última edição da Casa Cor. E não é para menos, pois suas folhas enormes e volumosas, de formato escultural, criam um lindo efeito visual. E desse efeito veio seu nome, já que sua forma faz lembrar a lira – um instrumento de corda muito utilizado na antiguidade.
 
Apesar de ser uma árvore de grande porte, o ficus já era usado em ambientes internos há muitos anos na Europa, e agora está na moda no Brasil, sendo visto em salas, principalmente, e também em halls, combinando com uma decoração mais informal.
 
De fácil manutenção, ao ser plantada em vasos, essa espécie mantém suas raízes mais contidas, com crescimento mais lento. 
 
Cuidados:
 
Quando plantado como árvore no jardim, o ficus - que gosta de sol quente - é uma planta de sol pleno, porém, se adapta em ambientes internos com boa luminosidade, tendo como lugar ideal espaços próximo a janelas, onde bate sol . 
 
Seu solo deve estar ligeiramente úmido, mas nunca encharcado. Em ambientes internos, é necessário que a rega seja feita duas vezes por semana.
 
É recomendado o uso do adubo químico NPK 10-10-10 a cada três meses, regando a adubação logo em seguida para não queimar as raízes.
 
Para que essa planta mantenha o porte adequado dentro de casa e não cresça muito, pode ser podada retirando as brotações novas e os galhos secos ou malformados.
 
A dica é plantá-la em vasos de grande porte e se deleitar com a elegância que essa espécie, bastante decorativa, traz ao ambiente.
 
Por Marisa Lima, paisagista.
 
Fontes:
blog.decorecenter.com.br
casabelablog.com
gradina.acasa.ro
hardecor.com.brstatic-carolcelico.gcampaner.com.br
www.osachados.com.br
www.pinterest.com
 

leia mais:

Folhagens grandes para o paisagismo
Folhagens grandes para o paisagismo

Folhagens grandes para o paisagismo

Permita-se Viver traz dicas sobre espécies que podem ser usadas no jardim da sua casa de campo.

19 de Novembro de 2019

Casa do Lago é inaugurada na Riviera XIII
Casa do Lago é inaugurada na Riviera XIII

Casa do Lago é inaugurada na Riviera XIII

Com decoração rústica e comida típica caipira, o local resgata o ambiente de fazenda e é mais uma opção para quem aprecia o clima do interior.

27 de Abril de 2017

Momentum
Voltar ao topo
SUCESSO 
 
texto
mensagem
texto